segunda-feira, 7 de março de 2011

Emoções

Semana passada assisti uma palestra no Espaço Alpha sobre a Inteligência das Emoções. Foi um aprendizado tão assimilado por mim, nós lidamos com emoções todos os dias, muitas coisas da nossa vida são movidas por nossas emoções.
A primeira coisa que temos que fazer é observar, é conhecer nossas emoções, saber indentificar. Por exemplo quando você briga com alguém querido, qual é a emoção que vem de imediato em você? Raiva? Trizteza? Medo?
Em uma folha estava escrito muitas emoções no qual tinhamos que marcar as que mais sentimos. É tão interessante você trabalhar algo importante na sua vida, você sabe que é algo a resolver. E para que deixar para depois? Tenho uma pasta em meu quarto onde escrevo tudo, não um diário. Mas coisas como por exemplo, essas minhas emoções, todas que sinto, umas que não sinto a anos, outras que nunca senti. Tenho todas minhas metas, tudo o que já tenho, as promessas feitas, o que quero para tal ano. É maravilhoso e organizado, isso reflete em outras atitudes, o nosso cérebro aprende tudo por repetição. É uma dica que indico para todos.
Voltando as emoções, precisamos abrir espaço para nos organizarmos, não apenas externamente, mas principalmente internamente. Temos que mudar nossa percepção que muitas vezes é ensinada pela sociedade. Podemos perceber coisas há mais que estão em nós e nós nunca sentimos.
Em um momento de raiva por exemplo, temos que liberar essa emoção. Não precisa ser brigando nem discutindo com alguém, existem lixeiras emocionais pelo qual você pode jogar todos os sentimentos ruins lá, se desfazendo. Só você pode fazer isso na sua vida!

É preciso lidar com suas emoções, não fazer uma bagunça dentro de si mesmo, quanto mais conheçimento buscarmos, melhor.

12 comentários:

Marte disse...

Já disse aqui que gosto de seus textos. Não preciso repetir. Já repetindo.

Sobre as emoções, concordo com a parte de botá-las num papel. Ajuda muito. Não só emoções como tudo. Eu mesmo faço isso. Meus textos do blog vem de lá.

Continuo te seguindo. Abraços. rs

Marte.

Post novo:
http://sexoalcoolpoesia.blogspot.com/

FabioZen disse...

Já conhecia algumas coisas sobre inteligencia emocional e sei da importãncia disso.O camarada que tem o controle sobre si mesmo,muito provavelmente controlará as situações ao seu redor.Muito bom o post e se der espia um conto onde meu anti heroi é um corajoso travesti.

Janis tem uma arma!
http://oficinamissoes.blogspot.com/2011/03/janis-tem-uma-arma.html

Macaco Pipi disse...

é bom desabafar!
faz parte!

Inez disse...

Seu texto é muito bom.
Lidar com as emoções é difícil, precisamos saber filtrar essas emoções para trabalhar com elas.

LEH DANTA$ disse...

gosstei muito do seu blog , vc tem um jeito único de escrever , vc se espressa de um jeito que eu nunca vi!!!!!!!!!!

Marcela Campagnaro disse...

Olá sou da comunidade de divulgação do orkut, vim te da uma força, se puder me siga tb!

Bruno Gomes disse...

Hum, que bom que vc conheceu os conceitos da inteligência emocional e da educação das emoções.

O estudioso que criou esses conceitos, o Daniel Goleman, tem livros sobre o assunto muito bons.

Bom texto.

Um beijo.

Nathália Alves Pires disse...

Tem um selo pra vs no meu blog =*

αmαndα ツ disse...

Oi! Boa tarde! Como vai?
Passando para convidar este blog lindo a participar da promoção que está rolando lá no blog!

Espero que participe! Quero ver você por lá, ok?
Beijinhos,

Mosaicos de uma vida disse...

Estou passando por isso neste exato momento. Lidar com as emoções... difícil, mas não impossível. Como já me conheço ontem optei por ser a 1ª a dormir e hoje a última a acordar rsrsrsr Foi a melhor forma que encontrei para controlar essa tal de emoção aff

Fernanda Mendonça disse...

Bruna, gostei muito da sua dica, vou seguir a risca viu?
Obs.: Queria ter participado dessa palestra :(

ADILSON JORGE disse...

Concordo com vc, as nossas emoções dizem muito e podem nos ensinar muitas coisas, basta a gente estar aberto para tirar proveito desde uma alegria até uma lágrima, não?

Abraços
http://ceucaindo.blogspot.com/