domingo, 6 de maio de 2012

Meus diamantes

Algumas pessoas são diamantes, confesso que poucas na minha vida, mas que tem um valor imenso. E particularmente para mim um diamante é poder conhecer novas pessoas, e guardar todas que devem ser guardadas dentro de mim. Sorrisos são diamantes em minha vida, entretanto olhares também... Aqueles que brilham.
O colorido também é diamante, mas existem dias que necessito do preto e branco, que se tornem diamantes então. E as estações... o ar quente do verão, as folhas caídas no chão do outono, o vento gelado do inverno e claro, as lindas flores da primavera. A renovação, transformação: imensos diamantes.
Palavras, ah as palavras bonita são diamantes adoráveis... Todavia a boa educação é um dos diamantes que nunca me esqueço!
Os países, as culturas... grandes diamantes. E de longe a música é o diamante dos meus ouvidos. Com grande segurança, sinceridade é um dos diamantes que mais brilha em minha vida! E o abraço, como me esquecer?
Dentre esses, eternos diamantes são as pessoas que eu amo do fundo do coração e as pessoas que me amam sinceramente... a VERDADE em minha vida, os valores de uma pessoa, o eterno aprendiz, a simplicidade e o amor. Incrível, tenho muitos diamantes que se fragmentam com meu espírito: meu diamante interno.

Um comentário:

Dodi disse...

De tudo que disse, o que mais gostei foi sua comparação de diamante com o abraço.

Eu sou um profundo apreciador de abraço e não o desperdiço com qualquer um.

Um abraço é muito intenso... é mais forte e as vezes até melhor que um beijo. O beijo é sexual, o abraço é espiritual.

Um abraço é protetor... exemplo: meninas com medo de filme de terror, não beijam o namorado na boca, e sim o abraçam.

sendo assim, o abraço é de fato um precioso diamante.

Hug........